Notícias

Eventos

Pessoas com HIV terão prioridade na restituição do Imposto de Renda

 A partir deste ano, pessoas vivendo com HIV e AIDS terão prioridade na restituição do Imposto de Renda. O benefício, que antes era restrito aos contribuintes com mais de 60 anos, agora inclui também portadores de doenças graves e de deficiência física ou intelectual.

De acordo com o supervisor nacional do Imposto de Renda da Receita Federal, Joaquim Adir, estes grupos também receberão primeiro o dinheiro devolvido pelo Fisco.

Para isso, porém, ele explica queserá preciso informar a doença ou deficiência na ficha “Identificação da declaração”, que traz a pergunta “Um dos declarantes é pessoa com doença grave ou portadora de deficiência física ou mental?”.

A novidade beneficiará, além das pessoas vivendo com HIV e aids, pacientes com alienação mental, cardiopatia grave, cegueira, contaminação por radiação, doença de Paget em estados avançados (osteíte deformante), doença de Parkinson, esclerose múltipla, espondiloartrose anquilosante, fibrose cística (mucoviscidose), hanseníase, nefropatia grave, hepatopatia grave, neoplasia maligna, tuberculose ativa e paralisia irreversível e incapacitante.

Em todos esses casos, o rendimento será isento.

Fonte: Redação da Agência de Notícias da AIDS com informações do Jornal Extra