Notícias

Eventos

Ações voluntárias e a Campanha Dezembro Vermelho

Em sequência à Campanha Dezembro Vermelho, para a prevenção contra o vírus da imunodeficiência humana (HIV) e infecções sexualmente transmissíveis (IST), conversamos com Nair Correa, Vice-Presidente do Projeto, e Helena Barbosa, Conselheira e responsável pelo Bazar PCA, que falam sobre a importância de ações voluntárias e suas histórias com o PCA.

Nair, voluntária do PCA

Nair, Assistente Social por formação, que já atuou por três meses em Mariana, Minas Gerais, para atendimento social em apoio à tragédia do rompimento das barragens do Vale do Rio Doce, conta como é o processo de cadastro de famílias no PCA, “para cadastrar, fazemos uma entrevista individual para conhecer melhor a história da família, suas vulnerabilidades e problemas. Após a entrevista, fazemos um acompanhamento de perto com a família a depender de suas necessidades”, conta Nair.

Todo o acompanhamento das famílias é feito junto com um assistente social, que faz o trabalho voluntariamente, e adequado com seus desejos e necessidades.

O PCA tem um importante papel na vida das famílias na hora da revelação da doença às crianças, “junto com o responsável, nós revelamos o diagnóstico, por meio da terapia, com ajuda de um profissional voluntário. Falamos para as crianças desenharem o vírus como elas enxergam”, diz.

Além disso, o grupo de apoio explica às crianças que vivem e convivem com o HIV sobre não estarem sozinhas nesse processo.

Helena, voluntária do PCA

Helena é a responsável pelo Bazar do PCA e costuma organizar as ações e doações. “O bazar é um braço que nos ajuda a manter o projeto. Com a pandemia e com a questão política social do Brasil, estamos batalhando bastante para manter o bazar e, consequentemente, o projeto”, reforça.

O bazar fica localizado na região da Saúde, em São Paulo, na Avenida Miguel Stéfano, 266. “No bazar vendemos roupas, sapatos, utensílios eletrônicos, móveis domésticos, bijuterias, e bolsas.”

O trabalho voluntário é de extrema importância para que as famílias atendidas no PCA tenham o acompanhamento e ajuda que elas precisam para se manterem. Assim, como Nair e Helena, outros voluntários desempenham importantes papéis para a continuidade dos trabalhos em nosso projeto.

Veja outros depoimentos e junte-se a nós nessa ação transformadora na vida de tantas famílias.

Acesse nosso Instagram e veja as entrevistas com Helena e Nair na íntegra.