Notícias

Eventos

A importância do atendimento psicossocial

O Atendimento Psicossocial do PCA tem o intuito de promover ações e serviços da equipe interdisciplinar, individualmente ou em grupos, com a intenção de contribuir no processo saúde-doença.

E, assim, melhorar a qualidade de vida das crianças, adolescentes e seus familiares, restituir aspectos emocionais e sociais com uma atuação mais próxima, promovendo a escuta técnica, acolhimento e o cuidado.

Sabemos que as doenças desestruturam não somente o físico, mas também o emocional. Portanto, a atuação destes profissionais tem como objetivo prestar assistência, desenvolvendo atividades de intervenção social e psicológica aos pacientes, familiares e outros atores envolvidos, a fim de oferecer condições necessárias para um atendimento mais humanizado.

Com a pandemia de COVID-19, os desafios psicossociais foram intensificados. O atendimento que anteriormente era realizado de maneira presencial passou a ser virtual, com o objetivo de evitar a contaminação pelo novo coronavírus.

Embora o ambiente virtual tenha de alguma forma facilitado este contato, foi necessário um longo período de adaptação para a equipe PCA e seus assistidos.

Principais ações

Dentre os problemas apresentados, a ONG identificou traços de transtornos psicológicos, conflitos familiares, medo da infecção pelo Covid19, obesidade infantil, desemprego, solidão, entre outros. O PCA atua no reconhecimento dos sentimentos como medo e angustia e assim lida de forma mais saudável com as situações vivenciadas. Outra constatação vivenciada na pandemia foi a não adaptação das crianças e adolescentes ao modelo virtual de ensino, gerando uma grande evasão escolar, impactando na aprendizagem e na socialização.

Todos esses fatores foram trabalhados através de uma escuta técnica, de acolhimento e humanização. Em diversos casos, foi proporcionado em forma de desabafo um espaço de escuta nos momentos de crise, que auxiliavam as crianças e adolescentes.

Foi oferecido suporte psicossocial online ou por meio de telefonemas, dando apoio psicológico e atuando na diminuição de sentimentos como medo e angústia.

Outra ação do Serviço Social estabelecida nesta pandemia foi à busca de recursos sociais para abrigo em casa de apoio para paciente com sequela física e neurológica.

Todos esses casos foram discutidos com equipe interdisciplinar dos hospitais e Centros de Referência em DSTS para uma ação conjunta e correta.

O PCA faz um trabalho gratuito e conta com o apoio de diversos profissionais e da comunidade. Ajude você também! Entre em contato e descubra como